Santuário Frei Galvão

Rádio Frei Galvão

Santuário Frei Galvão recebe os Símbolos da JMJ

A visita da Cruz Peregrina e do Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro da JMJ, Jornada Mundial da Juventude, ao Santuário Arquidiocesano de Santo Antônio de Sant’Anna Galvão em Guaratinguetá (SP), foi marcada por muita alegria e emoção.

Os Símbolos da JMJ saíram da Comunidade Canção Nova em Cachoeira Paulista em direção ao Santuário Frei Galvão, passando da Diocese de Lorena (SP) para a Arquidiocese de Aparecida. O Santuário foi a 1ª Igreja da Arquidiocese a receber os Símbolos que chegaram por volta das 0h30 de sábado (13/04).

Durante a madrugada os jovens participaram de uma grande Vigília em preparação para a Missa Solene da visita dos Símbolos que aconteceu às 6h do domingo (14/04). A Celebração Eucarística foi presidida pelo Padre Antônio Ramos do Prado,assessor nacional da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude (CEPJ) e responsável pela peregrinação dos Símbolos da JMJ no Brasil.

Às 9h30 a Santa Missa foi presidida pelo Padre Carlos Roberto de Carvalho, às 14h30, todos participaram da Novena de Frei Galvão, às 15h aconteceu a Missa de Encerramento da Visita da Cruz e do Ícone de Nossa Senhora presidida por Dom Darci José Nicioli, Bispo Auxiliar de Aparecida. ”A Cruz é o símbolo maior da nossa fé. Muitos fiéis que olharam para essa Cruz se sentiram motivados a rezar com ela que após uma grande peregrinação em vários países chega ao Brasil e agora em nossa Comunidade”, disse Dom Darci José.

“O outro símbolo, o Ícone de Nossa Senhora é a Mãe das Dores, a Senhora da Piedade que sempre esteve com Jesus em todos os momentos e também aos pés da Cruz. Ela deve ser modelo de vida para nós. Olhando para esses sinais, renovamos nossa fé e nosso ânimo para continuarmos vivendo essa fé de uma maneira coerente”, disse.

Em relação aos jovens, Dom Darci disse que eles precisam de sinais positivos neste mundo que, muitas vezes, apresenta tantos sinais negativos, levando-os para o caminho da morte e não da vida. “A Cruz é redenção e vida, e Nossa Senhora ajuda os jovens a superarem as dificuldades e a vencerem. Se seguirem Maria não errarão o caminho de Deus”, finalizou.

A celebração contou também com a presença de vários Bispos que na ocasião participam da 51ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). A Assembleia reúne o episcopado brasileiro entre os dias 10 e 19 de abril no Centro de Eventos Padre Victor Coelho de Almeida, no Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida. Às 17h, os Símbolos da JMJ saíram do Santuário Frei Galvão em procissão até a Paróquia Nossa Senhora da Glória no bairro Pedregulho de Guaratinguetá.

Os Símbolos da JMJ na Arquidiocese de Aparecida

Até o dia 19 de abril a Cruz e o Ícone da JMJ percorrerão algumas paróquias da Arquidiocese de Aparecida. No dia 16, a Cruz e o Ícone passarão pela Paróquia Santo Antônio em Guaratinguetá e, no dia 17, pela Paróquia Sant’Anna em Roseira. No dia 18, Potim recebe a peregrinação.

No dia 19, sexta-feira, a Cruz e o Ícone serão recebidos na Basílica Velha de Nossa Senhora Aparecida, às 19h, para o início do Hallel Aparecida Internacional, onde acontecerá o Bote Fé.

Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Com pouco mais de três metros, a cruz de madeira chegou ao Brasil no dia 18 de setembro de 2011 em São Paulo, onde milhares de fiéis católicos estiveram reunidos no Campo de Marte (Zona Norte da capital paulista) no “Bote Fé”, primeiro evento preparatório à Jornada Mundial da Juventude (JMJ) organizado pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).

A Cruz e o Ícone vão percorrer 275 dioceses no Brasil até a vinda do Papa Francisco, em julho deste ano, para a Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro. Os símbolos da Jornada devem passar por todos os 17 regionais da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil.

Em dezembro de 2012, a Cruz e o Ícone deixaram o Brasil e visitaram Paraguai, Uruguai, Chile e Argentina; retornaram em janeiro deste ano para o Sul do Brasil. A etapa final acontece no Vale do Paraíba (SP) e, finalmente, no Estado do Rio de Janeiro, chegando em abril de 2013.

O Santuário Arquidiocesano de Frei Galvão está localizado no bairro Jardim do Vale, em Guaratinguetá (SP). Mais informações pelo telefone (12) 3125-1444.

Vejas as fotos!

Chegada dos Símbolos da JMJ

Missa-6h-Padre Antônio Ramos do Prado 

Missa-9h30-Símbolos da JMJ-Pe. Beto 

Missa-15h-Símbolos da JMJ-Dom Darci 

Evandro Luiz Fialho

Assessor de Imprensa

Mtb.45.602-SP